Pai
Hoje os teus cabelos brancos estão a aproximar-se de uma forma tão impetuosa
que não pode ser detida, o tempo ensinou-te as experiências mais belas, que me tentas-te transmitir ao passar dos anos. Pai, que sempre estive-te presente ainda que eu nunca pudesse ver cada momento em que te aproximavas para cuidar de mim no berço de cristal e de sol, sempre senti as tuas palavras no meu coração... Pai, que com respeito me viste crescer e deixas-te que tomasse decisões importantes na minha vida. Pai sempre te amarei, às vezes o coração não sabe falar, só sabe sentir... O teu amor é tão grande, mas tão grande pelos teus filhos, que hoje estás a colher o amor que semeaste. Impulsas-me a continuar em frente e a triunfar, fazes com que olhe para o espelho e saber que tu me apoiarás, seja qual for a minha decisão.
Obrigado, se sou o homem que sou é graças a ti....
Pai, o meu infinito coração agradece-te por cada amanhecer que deixaste compartir ao teu lado, por saber que estás aqui comigo em todos os momentos, porque sei que estarás aqui para sempre guardado no meu coração.  
Sim, pai, os anos não passam em vão, pois eu guardo dentro do meu coração
cada palavra de alento que me hás dado para viver, cada pequeno detalhe de amor que hás tido e cada instante de felicidade junto a ti...
Direi a todo o mundo que o meu pai é o melhor, porque na tua graça paterna resplandece o esmalte de um pai amoroso, paciente, silencioso,
que sempre leva a bandeira de amor no seu coração...
Hoje os desvelos e as noites de ninar foram-se, hoje só me vês crescer e crescer, hoje preocupas-te comigo mais que ontem, porque sei que desejas o melhor para mim...

Sabes, pai, sei que um dia terás de partir, e que não estarás mais perto de mim, mas toda a minha vida vou agradecer a Deus pelo pai maravilhoso que me designou e me deu...

publicado por damasceno às 00:03