Do 25 de Abril ao dia do trabalhador

30.04.08

O 25 de Abril pode considerar-se uma revolução bem-sucedida. Na verdade, independentemente de várias considerações, estabeleceu a Descolonização, a Democracia e o Desenvolvimento. Claro que todos os Dês se realizaram de forma imperfeita, mas todos sabemos que não há obras perfeitas.

Ora, o pior que pode suceder a revoluções bem-sucedidas é endeusarem uma época e impedirem posteriores adaptações e actualizações dos caminhos então escolhidos.

Era o caso das leis do trabalho. Resultado de uma época, são hoje anacrónicas e contrárias ao desenvolvimento e, paradoxalmente - porque tinham a intenção de defender os trabalhadores -, contrárias ao emprego.

Ao ter dado esta semana passos positivos no sentido de as alterar, o Governo escolheu bem a data. Mais flexibilidade significa também dar uma oportunidade aos trabalhadores mais jovens. Menos precariedade, idem. E é tempo de os jovens sentirem que o 25 de Abril não é só para os saudosos da época.

Um dos argumentos mais utilizados pelas entidades patronais e pelos defensores do pensamento económico neo-liberal é que a baixa de competitividade da Economia Portuguesa tem como uma das causas mais importantes a rigidez das leis do trabalho em Portugal, ou, por outras palavras, a insuficiente precariedade das relações de trabalho no nosso País. Essa afirmação não tem qualquer consistência técnica como os dados divulgados pelo INE e Eurostat provam. A elevada precariedade que se verifica em Portugal está inevitavelmente associada a baixas taxas de participação dos activos em acções de educação e formação, a baixos níveis de qualificação tanto de adultos como de jovens, e a taxas elevadas de  abandono prematuro da escola pelos jovens. 
Tudo isto tem consequências graves e dramáticas quer para os trabalhadores, que assim continuam sujeitos a condições degradantes e desmotivadoras de trabalho e de remuneração , quer para as empresas cuja esmagadora maioria está a perder a batalha da produtividade e da competitividade.

publicado por damasceno às 20:47

Semana Académica na Guarda

30.04.08
foto

No dia em que celebra dois meses à frente da Associação Académica da Guarda (AAG), Marco Loureiro apresentou oficialmente o cartaz para a Semana Académica da Guarda 2008. Apesar de todas as contingências financeiras, pretende-se que a Associação Académica da Guarda seja “dinâmica e vocacionada para os alunos”.É neste âmbito que o Presidente da AAG apresentou o seu “ melhor cartaz dos últimos quatro anos”, onde Jorge Palma é a principal atracção. O cartaz procura abranger os diversos gostos musicais, embora tendo sempre em conta a vertente económica. Segundo o Presidente, “o objectivo é elevar o nível de qualidade, porque a falta de dinheiro não pode servir sempre como desculpa”.

Apresentando algumas novidades relativamente a anos anteriores, a Semana Académica inicia-se

06 de Maio - Baile de Gala

07 de Maio - dia do “Enterro do Caloiro”, realizado no Campus do IPG

08 de Maio - noite de Tunas (pavilhão Nerga)

09 de Maio - Jorge Palma

10 de Maio - Irmãos Verdade

11 de Maio - Noite de música electrónica

12 de Maio - Quim Barreiros 

13 de Maio - Blind Zero

14 de Maio - Desfile Académico

Segundo Marco Loureiro, este evento está orçamentado “em noventa mil euros, sendo que os apoios cobrem oitenta por cento dos custos”. “ Os restantes serão provavelmente cobertos coma venda dos ingressos.”

Fonte (Jornal Nova Guarda)

publicado por damasceno às 00:34

mais sobre mim

pesquisar

 

Abril 2008

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
18
21
25

links

subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro

tags

todas as tags

comentários recentes

  • Que negócio da china!
  • Gostei do blog,Sara
  • Grande banda...
  • esta feira e que vai ser lool:)~»3
  • “Natal... tempo de paz, de celebração, de esperanç...
  • Os Baile a Baile de Palmela 5 musicos com uma cant...
  • Os Baile a Baile de Palmela 5 musicos com uma cant...
  • Já mudámos!… Se por um lado nos continuamos a cham...
  • Banda "NPJ" Já com um cantinho na InternetFoi no p...
  • http://acdestreladealmeida.blogspot.com/

mais comentados